Cursos
Like

Brasileiros realizarão oficinas em San Luis

15 de julho de 2013
102 Vizualizações
0 Comentários
4 minutes read
Brasileiros realizarão oficinas em San Luis

A quinta edição do Carnaval do Rio em San Luis, na Argentina, já começou. Pelo menos para sete artistas cariocas que chegaram nesta segunda (15), à província de San Luis, a800 km de Buenos Aires, para realização de oficinas de adereços, percussão e samba no pé. A Amebras (Associação das Mulheres Empreendedoras do Brasil), em parceria com a Gangazumba, produtora oficial do evento, é que coordena esta etapa preliminar do trabalho de preparação dos desfiles.

“Neste quinto ano, nossa meta é alcançar mais qualidade e avançar nas técnicas ensinadas aos argentinos”, explica Célia Domingues, presidente da Amebras e responsável pela equipe de instrutores que já se encontra na província do Centro-Oeste da Argentina. “Estamos levando para San Luis inovação e oportunidades para que seus moradores sejam incluídos ou reincluídos na sociedade por meio do trabalho, da dança e da música do Carnaval brasileiro”, acrescenta Célia Domingues, que já comandou a qualificação de 500 argentinos ao longo das quatro edições (2010-2013) do Carnaval do Rio em San Luis.

A equipe é coordenada por Wallace Souza, licenciado em dança e passista da Mangueira há 15 anos. Além de supervisor da equipe da Amebras, Wallace é diretor artístico, há dois anos, da Sierras del Carnaval, primeira escola de samba de San Luis. “Nosso desafio e intenção é criar para a escola um diferencial para cada dia de espetáculo, já que em 2014 teremos três dias de desfiles”, conta, revelando que a bateria passará a ter 100% de ritmistas argentinos e que se estuda a ampliação do número total de componentes da agremiação, que em 2013 foi 750.

Os brasileiros ficarão, ao todo, oito meses na província, ministrando aulasem Vila Mercedeze na capital San Luis. As aulas de samba no pé serão dadas por Luciana Faustini, formada em jazz, musa da Estação Primeira de Mangueira e instrutora de sambaem San Luishá três anos. E por também por Wallace Araújo, integrante da Companhia Aérea de Dança e componente de comissões de frente de agremiações cariocas.

As aulas de percussão ficarão a cargo de Alexandre Marrom, ex-diretor e ex-coordenador geral técnico da bateria da Mangueira e que, em 2013, comandou a segunda bateria levada pela Verde e Rosa para a Sapucaí. Além da função de instrutor, Marrom também assume como novo mestre de bateria da Sierras de Carnaval. Completando a equipe de percussão está o experiente Zé Carnaval, da Velha Guarda da Bateria da Mangueira, que ensinará malabarismos com pandeiro e cuíca.

A equipe de adereço é formada por Renato Rodrigues, que pelo quarto anos atuará na coordenação das oficinas na Argentina, e Bill de Oliveira, formado pela Amebras em 2010 e que, atualmente, trabalha na equipe de instrutores da instituição. Em 2014, o Carnaval do Rio em San Luis acontecerá nos dias 21, 22 e 23 de março.

Fechado para novos comentários.