O Mundo do Samba
Like

Em coletiva, Riotur garante que Rio terá o maior Carnaval de sua história

13 de janeiro de 2017
543 Vizualizações
0 Comentários
4 minutes read
Em coletiva, Riotur garante que Rio terá o maior Carnaval de sua história
Foto: SRZD

ANDERSON BALTAR

O novo presidente da Riotur, Marcelo Alves, apresentou, em coletiva realizada na tarde dessa sexta-feira (13), o planejamento da prefeitura do Rio para o Carnaval 2017. Durante o encontro, foi enfatizado o fato de que nada mudará na estrutura da festa e que o objetivo é aperfeiçoá-la. “Nada irá mudar no Carnaval do Rio na nova gestão. Ao contrário, vai melhor. Nossa prioridade é proporcionar conforto e segurança para os eventos, sem que a essência do Carnaval de rua seja perdida. Queremos fazer o maior Carnaval de todos os tempos em 2017”, afirmou o presidente.

Marcelo Alves destacou a importância do Carnaval para a economia do Rio de Janeiro e deu números preliminares da folia deste ano. Segundo a Riotur, mais de 1,1 milhão de turistas devem chegar à Cidade Maravilhosa para o Carnaval e, por consequência, R$ 3 bilhões serão injetados na economia: “Só vamos sairmos da crise se ampliarmos a nossa vocação natural, que é o turismo. O Carnaval é o nosso principal produto para alavancar o turismo na cidade. E esse é o nosso objetivo. Unidos vamos realizar uma grande festa de Carnaval e um grande negócio para a cidade. Os turistas precisam ser acarinhados, bem tratados e orientados. Eles precisam não se encantar só pela cidade, mas pelo nosso povo.”, salientou.

A Riotur disse que nada mudará no que diz respeito ao planejamento das escolas de samba e que 70% da subvenção das agremiações do Grupo Especial já foi repassado. O restante, será liberado nos próximos dias. “O cheque já está pronto, aguardando apenas questões burocráticas”, explicou Marcelo. O presidente da Liesa, Jorge Castanheira, também compareceu à coletiva e deu mais detalhes do processo. “A verba vai diretamente da prefeitura para as escolas, que, por sua vez, para receberem a última parcela, precisam estar com a prestação de contas em dia. As escolas já estão com esse trabalho praticamente encaminhado e o repasse acontecerá nos próximos dias”, explicou Castanheira.

No que diz respeito aos blocos de rua, a Riotur afirmou que 577 desfiles acontecerão por toda a cidade, com a expectativa de público de 5 milhões de pessoas. O número de banheiros químicos terá um significativo aumento, chegando a 31.800 – mais de 5 mil a mais em relação ao Carnaval passado. Marcelo Alves também assegurou que os maiores blocos do Centro da cidade, como o Bola Preta, Monobloco, Bloco da Preta e Giro do Arar com Anitta terão a Rua Primeiro de Março como palco. Segundo o presidente da Riotur, a Av. Presidente Vargas, que havia sido cogitada para abrigar esses cortejos, foi inteiramente descartada após o parecer de vários órgãos técnicos da prefeitura. “O trânsito da cidade ficaria caótico, o metrô não teria condição de escoar os passageiros com rapidez e, principalmente, o hospital Souza Aguiar teria dificuldades em receber os pacientes por conta das interdições de rua”, explicou Marcelo Alves.

A Riotur garantiu apoio total para os palcos e coretos nos bairros, inclusive anunciando que o Boulevard Olímpico também receberá um baile popular. Quanto ao Carnaval da Intendente Magalhães, o órgão da prefeitura disse que a questão da segurança e da estrutura será vista com bastante atenção.

 

Fechado para novos comentários.