Sem categoria
Like

Harmonia

14 de março de 2015
135 Vizualizações
0 Comentários
37 seconds read
no-cover

GUILHERME SALGUEIRO

A julgadora Mirian Gomes atenta para o volume das cordas no desfile da Viradouro, mas o problema citado é de responsabilidade da empresa de sonorização da Sapucaí. Da mesma forma, ela reclama de um som estridente no início do desfile da Portela. Mais uma vez, responsabilidade da empresa de sonorização. Um ponto positivo foi a julgadora Celia Souto sugerir algumas formas de garantir um canto afinado, uníssono e vibrante.

Fechado para novos comentários.