Concorrentes 2016
Like

Salgueiro: samba da parceria de Niquinho Azevedo

5 de julho de 2015
187 Vizualizações
1 Comentários
1 minute read
no-cover

Compositores: Niquinho Azevedo, Claudinho Raiz, Nego Wando e Liesbeth Nunes
Intérprete: Vitor Cunha

logosalgueiro2016Eis o malandro na praça outra vez
A ópera vai começar assim de viés
E vermelho e branco vem a academia
Segura!!! A malandragem vai passar
Rio seu lirismo sem igual,
Cenário ideal, palco das ilusões
Ruas de plebeus e de monarcas
A Tiradentes das mimosas, madrugadas
Romance sem amor, o ás dos cabarés
Coração de malandro é na sola dos pés

VEM NA GINGA ABRE A RODA MALANDRO ACABOU DE CHEGAR
JEITO MANSO QUE É SÓ SEU, TERNO E CHAPÉU PANAMÁ
NA ROLETA DO DESTINO VIRA O JOGO A SEU FAVOR
FILHO DA SORTE, VENCEDOR

Filósofo dos bares e botecos
Bamba das calçadas e esquinas
Místico de fé e devoção
Laroiê, saravá, povo da gira

ÔÔÔ, É GUERREIRO É DE LABUTA
ÔÔÔ, PREZA PAZ E NÃO FOGE À LUTA

Pois é, deixar estar o candeeiro
Que a lua há de iluminar o meu salgueiro
Na ópera que fez do malandro astro rei
Risca o chão no ato derradeiro

ECOA NA BATIDA O SOM DO TAMBOR
QUE SALGUEIRÔ, QUE SALGUEIRÔ
MALANDRO QUE É MALANDRO ENTRA EM CENA
VIRA SAMBA E POEMA, Ê SALGUEIRO