Tag: liesa

Um novo julgamento?

ANDERSON BALTAR

O que era papo de bastidor, se confirmou nessa quarta-feira (05). A Liesa resolveu, numa tacada só, extinguir o quesito Conjunto e anunciar que renovará o seu júri pela metade para o Carnaval 2015. Em meio a tantas novidades, é um tanto complicado cravar, desde já, o que pode vir a acontecer. Penso que uma coisa é certa: trata-se de uma oportunidade única para que o conceito e critérios de julgamento comecem a ser modificados e arejados.

Em primeiro lugar, precisamos saber qual a real intenção dos dirigentes do carnaval. Muito se fala que tantas alterações se deveram às reclamações que partiram de escolas com nítido peso político e que, no Carnaval 2014, ficaram em classificações – justas, é bom dizer – aquém de seus investimentos e vontades. É uma linha de raciocínio que não deve ser desprezada, mas acho que ainda é prematuro cravar tal possibilidade sem que sequer saibamos quais serão os jurados que permanecerão e quais serão dispensados.

Cabe lembrar que este processo já havia sido iniciado, no carnaval passado, com a utilização de alguns novos julgadores, advindos do julgamento da Série A – que adquiriu outro patamar de credibilidade desde o surgimento da Lierj. Estes novos jurados atuaram de uma forma bastante criteriosa e devem ser mantidos. O aprofundamento do processo de renovação deve ser saudado e incentivado, especialmente se ocorrer com o intuito de arejar um júri que conta com nomes que estão no grupo há mais de 20 anos e já têm pré-conceitos cristalizados e, o pior de tudo, julgam mais bandeiras do que desfiles.

Tenho a esperança de que nenhum jurado do quesito samba-enredo seja descartado. Poucas vezes se viu, na história do carnaval, um julgamento tão condigno com o que se viu na avenida. Com raríssimas exceções, as notas coincidiram com o que já havia sido diagnosticado nas enquetes da imprensa especializada e na opinião do público. Os jurados de samba-enredo tiveram um desempenho impecável, detendo-se à avaliação do que efetivamente aconteceu em seu quesito e não se deixando contaminar pelo bom desempenho das escolas em outros fatores. Não à toa, a Unidos da Tijuca, que tinha um samba inferior à média das concorrentes, não conseguiu nenhuma nota máxima e quase perdeu o campeonato – conquistado por um bom desempenho em vários outros quesitos.

A manutenção do grupo de samba-enredo e a efetivação de jurados com a mesma forma de trabalho em outros quesitos – sobretudo os plásticos, ainda tão permeáveis ao peso das bandeiras – sem dúvidas, irá qualificar o julgamento e trazer mais justiça e equilíbrio a um carnaval que, prevejo, será definido nos detalhes. Ao contrário do que era observado até uns cinco anos atrás, não existem muitas diferenças de qualidade de trabalho entre, por exemplo, a quinta e a décima colocada. E isso se deveu à revitalização de escolas tradicionais que tinham administrações contestadas, como Portela, Mocidade e Mangueira; e ao crescimento notável da excelência dos desfiles das então coadjuvantes União da Ilha e São Clemente –  esta última que terá um carnaval assinado por Rosa Magalhães e conta com um dos melhores enredos do ano.

Porém (ah, porém!), não partiu da Liesa a sinalização da modificação mais importante que o julgamento do carnaval precisa passar: a revisão dos critérios de julgamento e, consequentemente, a melhor preparação dos jurados. O atual manual do julgador data do final dos anos 80 e passou por pouquíssimas alterações. O carnaval mudou muito nestes quase 30 anos e precisa ter seus conceitos revistos. Como utilizar os mesmos parâmetros de 1987 para as atuais comissões de frente? Qual a verdadeira forma de se julgar harmonia, já que hoje em dia o sistema de som cobre quase que inteiramente o canto da escola? A dança do casal de mestre-sala e porta-bandeira, que já incorporou vários traços do balé clássico, é bem julgada? É justo que sacos plásticos e escadas tirem décimos de alegorias primorosas enquanto outras, de concepção inferior, mas “limpas”, conseguem a nota máxima? Samba-enredo precisa contar todos os setores do desfile ou pode ter mais liberdade criativa? Questões como essas – e várias outras – merecem um debate aprofundado, com a participação dos integrantes das escolas e imprensa.

Após o estabelecimento dos novos critérios, é urgente uma preparação melhor dos jurados, com um curso esquematizado, valendo-se de exibição de vídeos e palestras. E, é claro, realizado longe dos dirigentes para evitar qualquer situação de constrangimento. De preferência, com a preparação de um número de julgadores superior ao necessário (em torno de 70) e que estes sejam sorteados pouco antes do desfile.

Mas, enquanto não soubermos a lista dos jurados afastados, o que nos cabe é esperar. O resto é teoria da conspiração.

***

Sobre o quesito Conjunto: nos moldes atuais, é o campeão da subjetividade. Merece ter critérios mais bem definidos, de forma a que não interfira nos demais e não penalize as escolas duplamente. Neste hipotético cenário de renovação dos critérios de julgamento, não poderia ser desprezado.

***

CDs do Especial e Série A em breve nas lojas e já com versões editadas rolando em nossa programação. Dois ótimos produtos; cada um com suas virtudes. Na próxima coluna, falarei disso.

Share via email

Liesa afasta 20 jurados

A Liga Independente das Escolas de Samba e as agremiações integrantes do Grupo Especial decidiram pela exclusão, no Carnaval de 2015, do quesito “conjunto” entre os itens a serem julgados em suas apresentações. Desta forma, serão nove os quesitos em julgamento: Bateria, Enredo, Samba-Enredo, Comissão de Frente, Mestre-Sala e Porta-Bandeira, Alegorias e Adereços, Fantasias, Harmonia e Evolução.
Também foi decidido que serão substituídos 20 julgadores que atuaram no Carnaval 2014. A escolha de seus substitutos ficará a cargo do presidente da Liesa e os nomes dos novos julgadores serão divulgados oportunamente.

Share via email

Liesa vende frisas na 3a

A Liesa realizará, nesta terça-feira (28), a venda das frisas para o desfile do Grupo Especial do Carnaval 2015. A venda será realizada através de fax.  Os interessados deverão encaminhar seus pedidos no dia 28 de outubro (terça-feira) através do fax nº xx21-2122-8080, no horário compreendido entre 9h e 13h (horário de Brasília), lembrando que o atendimento se dará pela ordem cronológica da chegada dos pedidos, de acordo com o limite de capacidade de cada setor da Avenida dos Desfiles.

O cliente deverá indicar no fax o nome, setor, dia desejado (domingo, segunda-feira ou sábado das Campeãs), telefone e fax para contato.  Pessoas físicas só poderão  adquirir uma frisa para cada dia de desfile e as pessoas jurídicas têm o limite de duas frisas por dia.  Cada ligação só poderá conter um pedido/fax. O pagamento deverá ser realizado somente à vista.

Os valores das frisas variam de R$ 1.100 a R$ 7.700 por noite de desfile.  Os contemplados serão conhecidos a partir do dia 18/ 11/2014 e deverão efetuar o pagamento entre os dias 24 e 26/ 11/ 2014 na Central LIESA de Atendimento, no horário bancário, sob pena de, não o fazendo, perderem o direito de aquisição.

As arquibancadas especiais e cadeiras individuais deverão ser vendidas na primeira quinzena de janeiro. As arquibancadas dos setores 12 e 13 serão comercializadas na primeira quinzena de fevereiro.

Outras informações:
Central LIESA de Atendimento e Vendas
Rua da Alfândega, 25 – lojas B / C – Centro
Tel.: (21) 2233 – 8151
www.liesa.com.br

Share via email

Liesa vende camarotes e boxes

A Liga Independente das Escolas de Samba receberá nesta quarta-feira, 1º de outubro, das 9h às 13h (horário de Brasília), os pedidos de reservas de camarotes e boxes especiais (exclusivamente no setor 07) para os desfiles do Carnaval Rio 2015. Os interessados deverão encaminhar seus pedidos através do fax nº (21) 2122-8080, com 12 posições de recebimento simultâneo – lembrando que o atendimento se dará pela ordem cronológica da chegada dos pedidos, de acordo com o limite de capacidade de cada setor da Avenida dos Desfiles. Quem tiver sua reserva confirmada, no dia 16 de outubro, deverá efetuar o pagamento da primeira parcela, no valor de 50% do total, nos dias 20 e 21 de outubro, na Central Liesa de Atendimento (Rua da Alfândega, nº 25 – lojas B / C), no horário bancário. Os outros 50%, trinta dias após.

OUTRAS INFORMAÇÕES
Site www.liesa.com.br –ícones Notícias e Ingressos
Central Liesa de Atendimento e Vendas
Rua da Alfândega, 25 – lojas B / C – Centro
Tel. (21) 2233-8151

Share via email

Ensaios do Especial já têm data

Veja a programação dos ensaios técnicos das escolas do Grupo Especial para o Carnaval 2015. A primeira escola a ensaiar será a Viradouro, no dia 11 de janeiro. A temporada será encerrada pela campeã Unidos da Tijuca, no dia 8 de fevereiro. Todos os ensaios terão transmissão AO VIVO da Rádio Arquibancada.

11/01 – Domingo

20h – Viradouro

22h – Vila Isabel

 

18/01 – Domingo

20h – Mocidade

22h – Mangueira

 

25/01 – Domingo

20h – Beija-Flor

22h – Grande Rio

 

31/01 – Sábado

20h – São Clemente

22h – Imperatriz Leopoldinense

 

01/02 – Domingo

19h30 – União da Ilha

20h30 – Portela

22h – Salgueiro

 

08/02 – Domingo

22h – Unidos da Tijuca

Share via email

Liesa divulga calendário de finais

A Liesa divulgou, na tarde desta segunda-feira (25), o calendário de finais de samba para o carnaval 2015. Veja abaixo:

11 de outubro, sábado – Salgueiro, Mangueira e União da Ilha
12 de outubro, domingo – São Clemente
16 de outubro, quinta-feira – Beija-Flor de Nilópolis
17 de outubro, sexta-feira – Portela
18 de outubro, sábado – Mocidade, Unidos da Tijuca e Vila Isabel
19 de outubro, domingo - Grande Rio e Imperatriz

A Viradouro já escolheu seu samba-enredo, que será uma adaptação de duas músicas de Luiz Carlos da Vila: “Nas veias do Brasil” e “Por um dia de graça”.

A Rádio Arquibancada, em breve, divulgará quais finais serão transmitidas AO VIVO.

 

Share via email

Carnavália-Sambacon gerou R$ 14 mi em negócios

A primeira feira de empreendedorismo e negócios do Carnaval, a Carnavália-Sambacon, resultou em 14 milhões de reais em negócios entre os expositores e teve público total de sete mil pessoas durante os três dias do evento. Os organizadores da Carnavália-Sambacon, informaram ainda que, dos 50 estandes participantes, mais de 70% já reservaram espaço para a segunda edição.

A Carnavália-Sambacon foi realizada de 31 de julho a 2 de agosto no Centro de Convenções SulAmérica, no Rio de Janeiro, reunindo representantes da cadeia produtiva do Carnaval e promovendo debates sobre temas econômicos, sociais, culturais e turísticos que envolvem o setor. Consagrado como maior evento de negócios do segmento de carnaval já realizado no Brasil, a feira contou com a presença de representantes dos principais órgãos do Turismo, Cultura e Economia dos governos federal, estadual e municipal, debates, shows, apresentações de foliões de blocos, escolas de samba mirins e velhas-guardas. Aberto ao público em geral, o evento teve 50 expositores da indústria, comércio e serviços do Rio de Janeiro, São Paulo, Rio Grande do Sul e Salvador e contou ainda com a participação de carnavalescos, artesãos, produtores e jornalistas.

“Se disséssemos em um evento no exterior que o Brasil não tinha uma feira sobre Carnaval como essa, diriam que eu estou louco. A Carnavália já é um sucesso e tenho certeza de que vai quintuplicar de tamanho no ano que vem”, afirmou o secretário de Turismo do Estado do Rio de Janeiro, Claudio Magnavita, que participou da solenidade de abertura do evento.

Estiveram presentes autoridades e palestrantes como o secretário de Estado de Turismo do Rio de Janeiro, Claudio Magnavita; o presidente da RioTur, José Carlos Sá; a subsecretária de Desenvolvimento Econômico, Dulce Procópio, o subsecretario de Turismo da cidade do Rio, Philipe Campello; o diretor de Operações da RioTur, Gustavo Mostof; o especialista Luiz Carlos Prestes Filho; a gerente de Desenvolvimento da Economia Criativa do Sebrae RJ, Heliana Marinho; os jornalistas Miro Ribeiro, Flavia Duarte, Aydano Motta, Eugênio Leal, Aloy Jupiara, entre muitos outros nomes importantes para o desenvolvimento do Carnaval.

A Carnavália-Sambacon teve patrocínio do Sebrae-RJ e apoio da Prefeitura do Rio de Janeiro/RioTur, e das principais entidades associativas que organizam o carnaval de rua e das escolas de samba, como Liesa (Liga Independente das Escolas de Samba do Rio de Janeiro), Lierj (Liga das Escolas de Samba do Rio de Janeiro), e a Sebastiana (Associação Independente dos Blocos de Carnaval de Rua da Zona Sul, Santa Teresa e Centro da Cidade do Rio de Janeiro).

Share via email

Carnavália-Sambacon divulga programação de shows

A partir de amanhã, dia 31 de julho, o Rio de Janeiro recebe a Carnavália-Sambacon, evento que trará, pela primeira vez, fornecedores de insumos carnavalescos e grandes empresários da festa para um grande encontro. Além de negócios, os visitantes poderão aproveitar a extensa programação cultural que faz parte da agenda do evento que acontece até o dia 2 de agosto, no Centro de Convenções SulAmérica. O evento será transmitido AO VIVO pela Rádio Arquibancada a partir das 16h (na quinta) e 14h (na sexta e no sábado).

Após a grande abertura nessa quinta-feira, às 16h, a Orquestra Popular Céu na Terra e o Cortejo da Velha Guarda fazem show às 18h para os convidados. Já às 20h30, quem sobe ao palco é Zé Luis do Império, trazendo a participação especial de Monarco.

Já na sexta-feira, dia 01, a programação começa às 16h, com Choro Verde. Depois, às 18h, a Amebras (Associação de Mulheres Empreendedoras do Brasil) faz um desfile de moda Carnaval. Às 20h30 o Grupo Regente faz o show de encerramento do dia com participação especial de Nelson Rufino.

E no último dia do evento, sábado, dia 02, a AESM-RIO – Associação das Escolas de Samba Mirins faz às 16h um desfile para apresentar sua nova coleção. Às 18h, quem sobe ao palco é a roda de Partido Alto (Barbas de Molho + Tantinho, Marquinhos China e convidados). Já às 20h30, o grupo Barbas de Molho conta com a participação especial de Moyseis Marques. Para encerrar, o Bola Preta faz seu tradicional baile às 21h30, alegrando todos os foliões.

Saiba mais em www.carnavalia.net

Share via email

Veja a ordem de desfile do Especial

Em evento realizado na Cidade do Samba, a Liesa sorteou, na noite desta segunda-feira (09), a ordem de desfile do Grupo Especial para o Carnaval 2015.

O domingo será aberto pela Viradouro. A segunda escola a desfilar será a Mangueira. Em seguida, passarão a Mocidade Independente de Padre Miguel, Unidos de Vila Isabel, Acadêmicos do Salgueiro e Grande Rio. Na segunda-feira, desfilarão, pela ordem, a São Clemente, Portela, Beija-Flor de Nilópolis, União da Ilha, Imperatriz Leopoldinense e Unidos da Tijuca.

 

Share via email

Sorteio do Especial ao vivo!

Nesta segunda-feira, a partir das 21h30, não perca a melhor cobertura do sorteio da ordem de desfile do Grupo Especial para o Carnaval 2015. Levaremos para você todo o clima da Cidade do Samba: a expectativa dos presidentes e componentes e toda a repercussão do resultado do sorteio.
Entrevistas ao vivo, comentários e, é claro, interatividade em tempo real através do Facebook e do Twitter @rdarquibancada.
Venha com a gente! Sorteio do Grupo Especial é na Rádio Arquibancada!!!

Share via email