Intendente Magalhães
Like

Tradição entrega a sinopse nesta terça-feira

18 de julho de 2017
156 Vizualizações
0 Comentários
3 minutes read
Tradição entrega a sinopse nesta terça-feira

Nesta terça-feira, dia 18 de julho, será entregue a sinopse eo regulamento do enredo para o Carnaval de 2018, “Sabá – soberana da Etiópia, sedutora de Jerusalém”, do carnavalesco Leandro Valente.

Nos dias 18 de julho e 01 de agosto haverá a explanação do enredo na quadra a partir das 20 horas, com o carnavalesco Leandro Valente e a diretoria de Carnaval. Cada parceria deverá ter entre 03 a 08 integrantes (não será permitido participação especial). A entrega dos sambas acontecerá no dia 26 de setembro na quadra das 20 às 23 horas. Os compositores deverão entregar 03 CDs com o samba gravado e 20 cópias impressas da letra. No ato da inscrição será cobrada uma taxa no valor de R$ 30,00 por compositor. Após a entrega é vedada a alteração da letra original. A apresentação dos sambas concorrentes do concurso será no dia 17 de outubro, a partir das 21 horas.

O presidente da ala dos compositores, Lima, explicou que a agremiação disponibilizará três microfones com cabo e dois canais para instrumentos de corda, não sendo permitida a inclusão de microfone mesmo que sem fio. Cada parceria, segundo ele, deverá trazer seu público. “A apresentação de todos os sambas será no dia 17 de outubro, talvez com a possibilidade de eliminação, isso dependerá do número de obras inscritas. Se tivermos um bom número de sambas, poderemos abrir em duas chaves A e B. Independente disso, teremos eliminatória nos dias 24 e 31 de outubro (semifinal). No dia 07 de novembro, faremos uma reunião com os finalistas e no dia 09 do mesmo mês, estaremos realizando a nossa grande final. Nos dias das eliminatórias faremos um sorteio de ordem de apresentação com as parcerias. Faremos três chamadas para cada parceria subir ao palco, quem não comparecer estará automaticamente eliminado. Vamos no mesmo dia divulgar os sambas classificados para a próxima etapa”, ressaltou.

Lima acrescentou que a escolha do samba será feito por um corpo de jurados definido pela direção da escola. “Os jurados são pessoas de confiança e gabaritados para o concurso de samba-enredo. Em caso de empate entre duas composições, a decisão final ficará a cargo da presidente Raphaela Nascimento. Caso tenhamos alteração ou junção de samba, ambos ficarão sob a responsabilidade da direção de carnaval e da presidência da Tradição. O samba campeão do concurso passará a ser da escola após a escolha. Não será permitido que os intérpretes se apresentem vestidos de bermudas, camisetas de outras agremiações, e chinelos. A postura será cobrada. Não será permitido uso de fogos de artifícios. A entrada das torcidas será gratuita até as 22h30m. Após esse horário, será cobrado uma taxa de entrada a título de ingresso”, revelou.

Fechado para novos comentários.