O Mundo do Samba
Like

UFF realiza debate sobre crise do Carnaval nesta terça

18 de julho de 2017
733 Vizualizações
0 Comentários
4 minutes read
UFF realiza debate sobre crise do Carnaval nesta terça

Para discutir o financiamento do carnaval das escolas de samba, o UFF Debate Brasil traz a Niterói no dia 18 de julho, terça-feira, às 19h, os carnavalescos Milton Cunha e Rosa Magalhães, e o jornalista Anderson Baltar, da Rádio Arquibancada. Como mediador do debate, o professor de Antropologia da UFF Felipe Berocan Veiga.

Numa conversa aberta ao público e com entrada franca, serão debatidas questões ligadas à decisão do prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, de reduzir à metade a verba destinada aos desfiles, passando de R$ 2 milhões para R$ 1 milhão a cada uma das escolas do grupo especial. No dia 10 de julho, segunda-feira, após reunião entre o prefeito Marcelo Crivella, o presidente da Liesa, Jorge Castanheira e os presidentes das escolas do Grupo Especial, ficou acertado que a prefeitura vai repassar às escolas R$1 milhão em parcelas entre julho e novembro e que a Riotur repassaria, através de contratos com patrocinadores privados, mais R$ 500 mil a cada uma das 13 escolas, sem prazo ainda definido.

Para o prefeito, “é preciso reavaliar e corrigir os custos do ano passado, quando houve um aumento do subsídio num momento de euforia”. Já a Liesa, a liga independente que representa as escolas de samba do grupo especial, destaca “os benefícios econômicos, financeiros e de geração de renda, além da valorização da imagem da cidade do Rio de Janeiro e do Brasil”, sem contar o aumento substancial da arrecadação de impostos e receitas diretas e indiretas proporcionadas pelos períodos de preparação e realização dos desfiles carnavalescos.

É inegável a importância do evento que faz da cidade um dos principais destinos no período, como também reconhece a empresa municipal de turismo, Riotur, que afirma que o corte das verbas destinadas ao grupo especial não significa o fim do apoio da prefeitura aos desfiles. Por outro lado, restrições orçamentárias são o principal argumento da prefeitura para reduzir o repasse às escolas e reforçar os investimentos em educação e alimentação nas creches públicas.

Numa verdadeira queda de braço entre o prefeito, que sustenta que não voltará atrás na decisão de cortar os subsídios da prefeitura para as escolas de samba, e a Liesa, que afirma que, tal situação põe em risco a realização dos desfiles e ensaios técnicos do Carnaval de 2018, a população assiste a mais um efeito perverso da crise que assola o Rio de Janeiro.

O UFF Debate Brasil acontece no Teatro da UFF, na Rua Miguel de Frias, 9, Icaraí, Niterói.

Tema: O CARNAVAL SAMBOU – OS CORTES NA CULTURA CARIOCA
Dia: 18 de Julho (terça-feira)
Hora: 19h
Local: Teatro da UFF – Reitoria da UFF (Rua Miguel de Frias, 09 – Icaraí – Niterói)
Entrada Gratuita

Convidados:
Milton Cunha – Carnavalesco, coreógrafo e comentarista do carnaval brasileiro
Anderson Baltar – Jornalista e âncora da Rádio Arquibancada
Rosa Magalhães – Professora, artista plástica, figurinista, cenógrafa e carnavalesca brasileira
Mediador:
Felipe Berocan Veiga – Professor, Doutor em Antropologia, chefe do Departamento de Antropologia da UFF

Fechado para novos comentários.